Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Pequeno T2 à venda

Os meus novos vizinhos são surdos. Ouvem televisão pelas alturas (no quarto, que fica por cima do meu), e falam aos berros (acrescente-se, até altas horas da noite). Não costumo discriminar ninguém, principalmente quem tem este tipo de limitação auditiva... mas estou realmente com vontade de me mudar!
Se conhecerem algum interessado (de preferência que, para seu próprio bem, também oiça mal), é favor informar...

Até sempre,
C&C
PS - Além disso primam pela simpatia. A primeira vez que nos cruzámos o homem fez-me uma cara de mau que só me apetecia fugir...

terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Frases sentidas #23

"Aquele que desperdiça o dia de hoje, lamentando o de ontem, desperdiçará o de amanhã, lamentando o de hoje."
P Raskin

Em 2010, deixemo-nos de lamentos, e passemos às acções! Ou, como na frase do anúncio (o que eu gosto das frases dos anúncios, essa iluminada fonte de sabedoria) da Galp de apoio à selecção:
"Menos ais, menos ais, menos ais, queremos muito mais"!

Até sempre,
C&C

Over and over again

Um dos problemas de ter um blog e irmos deixando aqui os "pequenos nadas" de que é feita a nossa vida, é em dia de balanço ir relê-lo, e chegar à conclusão que mês após mês (ano após ano), vamos persistindo nos mesmos erros, recalcando nos mesmos defeitos, cometendo as mesmas falhas... Sempre a bater nas mesmas teclas já gastas...
Por isso mesmo, hoje prometo (a mim, que não estou a ver que isso interesse a mais alguém) que vou para a caminha cedo :-)))

Até sempre,
C&C
PS - Ufa... respiro de alivio ao olhar para TV e ver que afinal o Flashforward não acabou... Não que tenha a ver com o tema do post, mas pronto, também gosto de partilhar as coisas que me deixam satisfeita!

segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Venha 2010 que já estou farta de 2009 :-)))


Confesso que este ano o balanço é mesmo só para manter a tradição. Sempre gostei de o fazer, porque me ajudava a organizar ideias e a traçar planos para o futuro. Mas este ano 2009 foi muito estranho... além disso, sinto que este ano me escapou por entre os dedos...

De forma que tento que seja organizada, mas por ordem "analfabrútica", cá vai (parece o horoscopo mas ao contrário :-)))):

Na família

2009 trouxe-nos o pequeno principe R, um bebé que tenho a honra de "amadrinhar", se bem que ainda não oficialmente. Lindo, simpático, um verdadeiro doce. Até doentinho, como estava na última vez que o vi, é tão, mas tão especial... Adoro-te meu lindo!
A R cada vez menos bebé, cada vez mais a minha "companheirinha". Se não fosse comer mal, os meus sentidos babados de mãe diriam simplesmente: "perfeita"!
Os desentendimentos familiares apaziguaram-se e houve alguma reaproximação na sequência da doença do meu padrinho. Quis o destino que acabasse por falecer no mesmo ano em que lhe foi diagnosticado cancro no estômago, no seu dia de aniversário... 55 anos, filhos ainda muito novos que sofrem agora de uma dor que eu tão bem conheço, e a quem espero conseguir dar todo o apoio de que precisam e merecem...
Com os amigos (que, como alguém disse, são a familia que nos é permitido escolher) - neste ano consolidei novas amizades, sobretudo com colegas do trabalho, o que me deixa muito feliz.

No trabalho

Foi um ano complicadissimo, por problemas diversos que nem vale a pena aprofundar. Para além disso, houve chefe novo na casa, e as necessárias adaptações a formas de trabalhar muito diferentes. Um novo esforço de conquista de confiança, que felizmente (estamos a falar de uma pessoa que não deixa transparecer com facilidade a opinião que tem de nós) hoje confirmei que consegui ganhar. Ouvi: "Parabéns!" dito de uma forma convicta... Entre muitas outras coisas ouvi também uma coisa muito engraçada, e que para mim vale ouro, principalmente no contexto: "a Cookie é um elemento "desanuviador" na equipa". Eu sei... o meu bom feitio lá vai acalmando os ânimos, e procurando evitar conflitos.
De qualquer forma, apesar de me sentir integrada e reconhecida, e de ter o chamado "emprego para a vida", uma das resoluções de ano novo é sem dúvida voltar à procura activa de emprego. Não me identifico com a área na qual trabalho, sinto que estou a passar ao lado da carreira que me deixaria realizada... E por mais "confortável" que seja a minha situação está mais que na altura, não posso esquecer que com os meus 33 anos estou a ficar velha, profissionalmente falando...

No amor...

... nem me apetece falar. Parte do ano decorreu com a convicção de que a minha relação com o D já não estava a funcionar, de que por algum estranho motivo tinhamos deixado de conseguir comunicar e já não conseguiamos fazer o outro feliz. A decisão foi muito custosa, mas era inevitável. Estou desde o inicio de Setembro sózinha, e neste momento é assim que me sinto...
O facto de sentir que o D era mais do que um amigo foi a gota de água que fez com que o "copo" do meu casamento transbordasse, e a separação se tornasse inevitável. Escrevo isto para dizer que há muitos anos (muitos anos mesmo) que o meu coração não estava desocupado, e não é fácil...

Em momentos...

Em 2009 fui ao México (semanas antes da Gripe A :-) ) e realizei o sonho de ir com a minha filha à Disneyland. Este foi um momento sem dúvida especial, para ela, mas também para mim... Fui criança de novo, andei aos saltinhos, com totós... Diverti-me à brava. Foram momentos extraordinários que vivemos e que recordarei para sempre.
Já me esquecia... o meu blog deu um programa de rádio, na Rádio Comercial. A Cookie lá teve os seus "5 minutos de fama". Foi muito giro, e animou esses dias. Obrigada mais uma vez à RC.

Desculpem o post extenso (como se eu acreditasse que alguém o vai conseguir ler todo :-))), foi um ano esquisito, mas ainda assim dificil de resumir.
Termino este ano entre nostalgias e indecisões, a ponderar os próximos passos e procurando determinação para fazer com que 2010 não seja mais um ano que se arrasta. Que seja um ano de passos seguros, determinados e na direcção correcta: a da felicidade!

Até sempre,
C&C

domingo, 27 de dezembro de 2009

Para amanhã...

Amanhã vai ser dia de reunião de avaliação anual, pelo que não estou certa de estar inspirada by night... Mas se estiver, amanhã pretendo fazer aqui no blog (e na minha cabeça, já agora), o balanço de 2009.

Termino este ano nostálgica. Com saudades de como já me senti e agora não me sinto, com vontade / necessidade de fazer algo diferente, sem saber o quê... Foi um ano muito estranho, teve altos mas também teve baixos... Chorei muito... mas também ri bastante...

(o resto fica para amanhã que este já é o terceiro post do dia... acho que também estava com saudades do meu blog :-) )

Até sempre,
C&C

Livros - actualização

Ontem através de um comentário dei-me conta que tinha deixado completamente esquecidos os comentários sobre os livros que tenho lido... Para corrigir essa falha, cá fica, de forma muito resumida:

Inteligência emocional, de Daniel Goleman
O autor (um dos percussores da corrente da psicologia que destaca a inteligência emocional como um dos principais factores de sucesso na vida social) faz neste livro uma abordagem a esta temática. A emoção, o temperamento, o QE (Quociente emocional) em substituição ao tradicional QI. Muito interessante.



A rapariga que inventou um sonho, de Haruki Murakami
Já há algum tempo que queria ler alguma coisa deste autor, mas acho que escolhi mal o livro. Este é um livro de contos, quase todos com uma componente de fantasia. Não apreciei.



(inevitavelmente) Caim, de José Saramago

Sendo este um dos meus autores preferidos e com tanta polémica gerada em torno deste livro, a minha curiosidade era grande.
Em minha opinião a polémica é inteiramente devida, o livro é uma bofetada nos crentes católicos, porque na sua viagem pela Terra e pelas eras Caim mais não faz do que ir passando pelos cenários de maior destruição e crueldade da Biblia. O Deus no livro Caim é egoísta, caprichoso e cruel...
Gostei, não fica nos meus preferidos de Saramago, mas é interessante e dá que pensar...



Mais alto que as palavras, de Jenny McCarthy
Esta actriz, actualmente casada com Jim Carrey, descreve no livro a viagem que fez com o seu filho pelo mundo do autismo, desde o desespero e a completa desorientação até uma caminhada de progressos e esperança. Muito interessante para quem quer ficar a saber um pouco mais sobre este problema, que tem tido uma evolução galopante, e que segundo as estatísticas mais recentes atinge 1 em cada 150 crianças.



E pronto, está feito o trabalho de casa :-)))


Até sempre,
C&C

As coisas mais simples...

Passado o Natal, e "n" brinquedos novos depois, para além da Wii, que nos divertiu às duas (e que me deixou com o braço direito dorido), posso dizer que a brincadeira principal da minha filha no dia de hoje foi a de sempre, à volta de folhas, cadernos e marcadores, a pintar, fazer letras ou contas...
Tanto pediu ao Pai Natal o Nenuco Cabeleireiro, e, pelo menos hoje, nem lhe pegou...
Para ver se o Pai Natal (e a mãe) aprendem...

Quanto à mãe, hoje andou entretida com mais um brinquedo novo, presente surpresa da Vó Céu! (Obrigada!)
Até sempre,
C&C

sábado, 26 de dezembro de 2009

Um dia tranquilo... ou não...

E, num dia que tinha tudo para ser tão sossegado, eis que tenho os meus vizinhos de cima a fazerem mudanças, mas com tal estrondo que mais parece que andam a atirar os móveis violentamente contra as paredes...
Ao incómodo por este barulho, junta-se a curiosidade / preocupação, em saber se será só em dia de mudança que serão assim tão barulhentos... É que já há uns meses que estava (mal) habituada a não ter ninguém no apartamento de cima... Era um sossego...

Até sempre,
C&C
PS - Enquanto escrevo este post, a minha filha está a arrumar a cozinha :-))) Vida dificil esta minha! (vou lá mas é o mais rápido possível, porque daqui a pouco ainda há cacos)

Programa para amanhã...

... instalar e experimentar o brinquedo novo!
O presente foi para a R e a pedido dela... mas sinceramente, não sei quem é que se vai divertir mais :-)))

Até sempre,
C&C

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Jingle Bells, Jingle Bells

O meu desejo para quem por aqui passa é que o Pai Natal vos coloque no sapatinho aquilo que é mais importante: muita saúde para vós e os que vos são queridos... Tudo o resto vem por acréscimo!

Muito obrigada, por andarem por aqui... eu por cá continuarei!!!

Até sempre, e um feliz Natal!
Cookie
PS1 - E já agora, não aproveitem esta quadra para comerem muitos dos meus familiares (cookies e afins)... O meu caso é dramático. Passo o ano a anunciar ao mundo a minha paixão por chocolate... e depois, o que é que me oferecem no Natal? Pois... já adivinharam... e eu, tadita de mim, vou comê-los todos!!!
PS2 - Na foto acima deixo a árvore de Natal mais bonita que vi este ano. A foto não lhe faz justiça mas foi o que encontrei na net. Guimarães!

sábado, 19 de dezembro de 2009

Notícia de última hora

Após uma ida de rotina à cabeleireira, os caracóis nos cabelos da minha filha, de que eu tanto gostava, desapareceram completamente...
Há algum tempo que notava que estavam menos definidos, mas confesso que não estava preparada. Parece que tenho uma filha nova :-)
Linda na mesma, mas completamente diferente... E feliz da vida, porque já há imenso tempo me dizia que queria ter o cabelo liso...

Até sempre,
C&C

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

É a vida...

3 dias depois deste post, não sem pré-aviso, mas sem que nada fizesse prever (nem a mim nem aos mais próximos) que acontecesse de forma tão rápida, partiu outro dos eixos da minha família.
Sinto-me como se tivesse sido atropelada por um camião... Mas também sinto que estou a fazer pelos meus familiares o melhor que neste momento me é possível...
Até sempre,
C&C
Até sempre, padrinho... Vou sentir a tua falta...

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

You are wonderful tonight :-)))

Hoje tinha pensado escrever algo divertido, para contrariar o post de ontem, e para que ninguém pense que eu estou realmente em baixo. (Não é assim, simplesmente nestas alturas fazemos balanços do que temos, do que tivemos e do que perdemos... Vejo-me perante a perspectiva de passar a noite de Natal apenas com mais duas pessoas (e sem a minha filha), e isso não me deixa propriamente muito animada... Mas enfim, havemos de fazer a festa.)

Mais uma vez já escrevi mais do que queria sobre o assunto... Enfim, como não me está a ocorrer nada de melhor para escrever, vou aqui deixar uma curiosidade.
Não sou muito vaidosa (diria a minha irmã que sou a pessoa menos vaidosa que ela conhece). Gosto de andar arranjada, mas não me produzo, maquiagem é coisa rara, e os acessórios pouco variam. Não estou a exagerar se disser que passo meses sem comprar roupa. É com algum embaraço que admito isto, mas enfim, é assim que eu sou...
Uma das (poucas) vantagens que isto tem, é que quando me decido arranjar, toda a gente repara... Na passada sexta-feira tive o jantar de Natal da empresa, uma festa onde estão cerca de 150 pessoas das diversas unidades da nossa direcção. Já nos outros anos, porque gosto de representar bem a unidade à qual pertenço, esse foi dia de cabeleireira e maquiagem. Neste ano resolvi acrescentar um vestido à produção... Nada de especial, era um simples vestido preto, curto (mas não em demasia) - ainda por cima emprestado (obrigada mana). E ainda hoje (4 dias depois) andei a ouvir os mais variados comentários elogiosos. Até rosas me ofereceram no jantar... E já me chegaram a dizer que era a mulher mais bonita do jantar... Enfim, exageros masculinos à parte, a verdade é que se eu andasse sempre assim, no jantar ninguém teria reparado na minha pessoa :-)))
(Confesso que, sem entrar em qualquer tipo de euforia... fez bem ao ego)

Até sempre,
C&C

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Desculpem lá este post...

Ano após ano, nesta época natalicia, não consigo evitar que na minha mente desfilem imagens, como se de um filme se tratasse, daquela noite, daquela hora, em que a minha vida se virou de pernas para o ar. Penso que não serei a única pessoa que, apesar de acabar sempre por se deixar contagiar pelo espírito natalicio, fica um pouco deprimida por esta altura. Porque esta é a época da família, e nessa noite, nessa hora, a minha perdeu o seu eixo. Não faço ideia como seria a minha vida se nessa noite, nessa hora, o céu não tivesse desabado sobre a minha cabeça, quando me disseram que o meu pai tinha partido, deixando sem pré-aviso o mundo dos vivos... Sei que tinha uma família unida, que passávamos os natais juntos, e, volvidos 8 anos, nada é como nesses tempos. Entre zangas, doenças, divórcios, problemas atrás de problemas, acabámos por nos afastar. Penso que é normal, os ponteiros do relógio também nunca mais funcionam quando perdem o seu eixo...

Desculpem, mas este blog é também um espaço de desabafos, e estava a precisar de deixar sair esta tristeza... Já me sinto melhor... Obrigada por estarem desse lado.

Até sempre,
C&C

domingo, 13 de dezembro de 2009

Episódio Natalício

"Mãe, o que é aquele saco tão grande que está ali em cima do teu roupeiro?"
Imediatamente fico com vontade de me esbofetear, enquanto invento uma desculpa esfarrapada que, felizmente, colou... Não é fácil esconder um presente enorme num apartamento pequeno, mas fechar a porta do roupeiro... é facílimo! Porque é que eu sou tão cabeça no ar?

Até sempre,
C&C

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Tou a ficar velhota...

Hoje, qual verdadeira fada do lar, lá me tive que dedicar à costura, perante o espanto da R., que por algum motivo achava que eu não era capaz de coser o botão que tinha saído da bata do infantário.
Os sinais da idade evidenciaram-se quando tentei enfiar a linha na agulha. Acho que estive uns 10 min a tentar executar esta tarefa... E estava quase a desistir, tristíssima, por me lembrar que ainda há bem pouco tempo, era a mim que as meninas mais velhas da familia pediam para o fazer. Mas finalmente, aconteceu o já inesperado, e um sorriso de vitória desenhou-se no meu rosto... Prova superada!

A visita ao oftalmologista fica para mais tarde :-)))

Até sempre,
C&C

domingo, 6 de dezembro de 2009

Pelo menos numa coisa sou (ou tenho sido) sortuda...


Eu sei que ainda há dias reclamei do tempo, mas hoje apetece-me voltar ao tema. Para dizer que detesto conduzir à noite e com chuva, o que tem acontecido imensas vezes nos ultimos tempos. Tem estado sempre a chover e antes das 6h da tarde já está escuro. Hoje o meu coração quase saltou pela boca, quando perdi o controlo do carro num lençol de água... Felizmente a minha estrelinha continua em forma, ainda não foi desta, eu e o carro estamos inteirinhos, a R. estava com o pai, nem sequer passou pelo susto. Mas admito que ando com receio, com tantos quilómetros nas pernas não basta ser uma boa condutora, a sorte também tem ajudado (e muito). Que o diga a minha amiga A. que ainda há dias ficou sem carro num acidente em que não teve culpa nenhuma...
Enfim, vamos mas é (tentar) andar devagarinho e ter muito cuidado, para não desafiar a sorte...

Até sempre,
C&C

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Deolinda - Mal por mal

Hoje deram-me a ouvir esta música, que não conhecia. Achei imensa piada, principalmente à letra. Fez-me lembrar de algumas pessoas que eu conheço...
"Já sou quem tu queres que eu seja
Tenho emprego e uma vida normal
mas quando acordo e não sei
Quem eu sou, quem me tornei
Eu começo a bater mal
O teu bem faz-me tão mal!

Já me enquadro na tua estrutura
Não ofendo a tua moral
Mas quando me impões o teu bem
Eu ainda sinto aquém
O teu bem faz-me tão mal
O teu bem faz-me tão mal!

Sei que esperas que não desiluda
Que por bem siga o teu ideal
Mas não quero seguir ninguém
Por mais que me queiras bem
O teu bem faz-me tão mal,
O teu bem faz-me tão mal!

Sei que me vais virar do avesso
Se eu te disser que foi em mim que apostei
Não, não é nada que me rale
Mesmo que me faças mal.
Do avesso eu te direi
O teu mal faz-me tão bem! "

Aqui fica o
link para o clip da musica

Até sempre,
C&C

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Não gosto mesmo nada deste tempo...

Ano após ano, chegando a esta altura, a cada dia que passa vou-me deixando enredar mais e mais pelo peso da rotina, e limito-me à satisfação das necessidades de sobrevivência. Não me dou nada bem com este tempo, detesto sair de casa ainda com pouca luz do dia e só regressar já com noite cerrada. Detesto sair para passear ao fim-de-semana, quando lá fora está frio, chuva e nevoeiro... Apodera-se de mim um cansaço tal, que me limito a fazer o minimo, e só me apetece ficar sentada na sala sob a minha mantinha, bem quentinha, a ver o que quer que seja que passa na televisão. Acontecimentos recentes também não têm ajudado ao meu estado de espirito. Às vezes, parece que tudo conspira contra nós.
Após alguns dias neste estado de letargia, ano após ano chego à mesma conclusão óbvia: vou ter que me "vitaminar".
E pronto, ainda esta semana, lá me vou eu dirigir à farmácia em busca de algo que, em substituição do sol e do calor, que ainda vêm longe, ajude a reduzir esta sensação de cansaço extremo, e enfrentar o dia a dia com mais ânimo e determinação. Ou pelo menos que me dê essa ilusão...
Qualquer dia, vou mesmo ter que me mudar para os trópicos :-)

Até sempre,
C&C
PS - Pelo exposto, a produção neste blog anda assim, a modos que, desinspirada... Vamos ver se melhora...

domingo, 29 de novembro de 2009

Frase do dia

Every little thing she does is magic...

(Desculpem a baba. Este post é só para dizer: adoro-te, minha pequenina!)

Até sempre,
C&C

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Momentos em que uma mãe fica muito preocupada

Cookie e R. em frente ao PC. Clico no meu blog (a R. gosta de ver as bandeirinhas dos visitantes), e sempre com intenção pedagógica, apontando para a foto do post anterior, pergunto: "este senhor é giro, não achas, filha?"
Resposta pronta e decidida: "mas mãe, eu gosto mais do Cristiano Ronaldo!"
Estou até agora sem palavras. Já tinha sido dificil para mim quando em resposta à minha musical e maviosa versão do "Amor miooooooooooooooooooo", ela me começou a dizer "cantas pior que o Cristiano Ronaldo". Mas isto agora... é mais do que consigo suportar...
Acho que vou levar a miuda com urgência a um oftalmologista :-)

Até sempre
C&C
PS - E pronto, cá fica mais uma imagem embelezadora do blog. Não é que seja uma obcessão minha, mas entre a foto dele e a do Cris... não dava mesmo para fazer a outra opção. Sei que me compreendem...

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Quem não tem cão...

... caça com (a modos que sucedâneo de) gato :-)

Deve ter sido nisto que pensaram os senhores da Delta, no novo anúncio da máquina de café. Não podendo contar com "O" George Clooney, apostam na dupla Bruno Nogueira e Eduardo Madeira, em versão óculos de fundo de garrafa, bigodinho e voz aguda que eneeeeeeeeeeeeeeeerva...
Será que os criativos que imaginaram esta campanha estão a tentar ter piada? Pode ser de mim, que nunca achei piadinha nenhuma aos Contemporâneos... mas eu realmente não percebi onde é que está a graça.
Quanto à foto que aqui coloco, eu bem sei que afinal o post nem era sobre o George Clooney, mas não podia deixar passar esta oportunidade para embelezar o blog. Aposto que as meninas que por aqui passarem compreendem...

Até sempre,
C&C

domingo, 22 de novembro de 2009

Diferentes pontos de vista

Hoje de manhã, devido a uma alteração no sistema informático que ocorreu durante o fim-de-semana e que tinha que ser testada, tive que ir trabalhar. Depois de ponderar os prós e os contras, e sobretudo porque o Domingo é o dia que eu e a R temos para nós, decidi levá-la comigo. Era um bocado arriscado, porque se os testes corressem mal, podia ter que ficar lá o dia todo, mas muni-me de várias coisas que sabia que a entretinham durante muito tempo (leitor de DVD incluido) e lá fomos nós.
O que achei mais engraçado, foi eu acordar com uma telha descomunal, depois de uma noite mal dormida e cheia de dores de cabeça por estar a contrariar o meu "relógio biológico laboral", e quando vou acordar a pkinita lembro-me de dizer "então, vamos lá trabalhar?", e ela abre automaticamente os olhos e o sorriso, feliz da vida por ter finalmente chegado o dia de tão memorável acontecimento...
E agora ao fim do dia, quando lhe perguntei se gostou deste dia (felizmente os testes correram bem e estivemos lá menos de 3 horas, pelo que o resto do dia ficou para nós), ainda me disse que o que gostou mais: "foi de ter ido trabalhar contigo, mamã".
Reforça-se mais uma vez a minha teoria de que tudo na vida é uma questão de perspectiva. O que para mim foi um sacrificio enorme (e amanhã é 2ª feira :-( ), para ela foi o acontecimento da semana...

Até sempre,
C&C

sábado, 21 de novembro de 2009

Frases sentidas #22

It's better to have loved and lost than never to have loved at all.
Alfred Lord Tennyson


(E tanto que se aprende quando se perde alguém que se ama. É a mais dura escola de vida...)

Até sempre,

C&C

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Surpresaaaaaa!!!


16 de Novembro, cerca das 16:30. Toca a campaínha, uma vez mais. Praguejo. O dia foi particularmente díficil, um colega de férias e outra colega que acabou por não vir trabalhar por ter tido um acidente, entre tantos clientes, esperava naquela altura, depois do fecho ao público, ter finalmente um bocadinho para me concentrar no que supostamente é o meu trabalho. O V. diz: "estão a perguntar por ti, conheces?". Volto a praguejar. Tinha que ser comigo, não tenho mesmo sorte nenhuma. Levanto-me e quando vejo quem está à porta esqueço imediatamente tudo aquilo que estava a fazer, à medida que um sorriso de orelha a orelha se desenha no meu rosto. A minha mana (em dia de trigésimo aniversário), o meu cunhado e o meu afilhado, vieram visitar-me. Abraço a minha irmã, talvez não com a intensidade com que deveria fazê-lo, porque ainda estou perplexa, e penso "ai que eu vou chorar", para imediatamente me contrariar em consciência, "não posso chorar, que disparate, estou no meu local de trabalho"... Controlo-me, enquanto pego no meu afilhado ao colo e ele sorri, com um daqueles sorrisos que derretem corações que as crianças, sobretudo as mais pequenas, tão bem sabem fazer...
Em quase 3 anos, exceptuando a R, foram as primeiras pessoas de familia que me foram visitar, o que se explica sobretudo pelo facto de eu trabalhar naquilo que vulgarmente se designa o "fim-do-mundo".

Tudo isto para dizer, em especial a eles, que adorei a surpresa...
Parabéns, maninha! Um beijo enorme!

Até sempre,
C&C

domingo, 15 de novembro de 2009

Enredada na rede

É um pouco como me sinto, por ter o facebook a sugerir insistentemente que eu adicione como amiga... a namorada do meu ex-marido... Diz ele que temos 4 amigos em comum... Digo eu que desde termos um relacionamento civilizado e dentro dos parâmetros socialmente aceitáveis, até sermos amigas, vai uma distância muito grande, e que eu nem sequer pretendo percorrer... :-)))

Até sempre,
C&C

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Dúvidas existenciais... :-)))

Partilho hoje convosco um e-mail que me enviaram e que me fez fartar de rir. Eu sei que é um humor um bocadinho pateta, mas confesso que achei um piadão. Cá vai:

Porque é que as pessoas em Espanha são Espanhóis e na Rússia não são Rissóis?
Porque é que na Suécia as pessoas são Suecos e em Marrocos não são Marrecos?
Porque é que em Marrocos as pessoas são marroquinos e na Suiça não são Suínos?
Porque é que na Polónia as pessoas são Polacas e na Estónia não são Estacas?
Porque é que se diz discoteca em vez de discotoca e o disco toca e não teca?
Porque é que é espingarda em vez de espungarda se faz Pum e não Pim?
Porque é que os que andam no mar são marujos e os que andam no ar não são araújos?
Porque é que as batatas grelam e os grelos não batatam?

Deixo-vos a reflectir durante o fim-de-semana sobre estas importantes questões...
:-)))

Até sempre
C&C
PS - V, se passares por aqui, já sabes de onde veio...

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Eu sei que ainda é cedo...

... e que não passou o entusiasmo inicial, mas apetece-me dizer hoje (pouco mais de um mês depois de ter começado), que estou a adorar as aulas de pilates. Adoro a forma como já começo a sentir o meu corpo diferente (e só não sinto mais por causa dos jantares frequentes e da já usual gula), como me sinto cada vez mais flexível, como a pouco e pouco vou conseguindo fazer exercícios que de inicio me pareciam quase impossíveis ... Adoro o estado de relaxamento com que saio das aulas e que tornam óptimos esses finais de dia!

Até sempre,
C&C
PS - O "entusiasmo inicial" costuma durar cerca de 3 meses. Voltem no final de Dezembro para saber se ainda se mantém, porque eu própria tenho essa curiosidade. É no que dá, ao fim de 33 anos, conhecermo-nos demasiado bem :-)))

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Ó rapaz, tem mas é juizo!

Eu bem sei que a participação em campanhas publicitárias é bastante apelativa para as figuras públicas, pelos montantes envolvidos. Mas as figuras públicas, mais do que uma anónima como eu, têm uma imagem perante o país pela qual devem zelar, pelo que independentemente das verbas com as quais os tentam seduzir devem ter cuidado com as figuras que andam a fazer.
Vem isto a propósito do Ricardo Pereira. Não contente com o facto de ter aparecido insistentemente a segurar uma embalagem de Head & Shoulders, como se de um Óscar de Hollywood se tratasse, num anúncio em que só apetecia perguntar "mas o que é que esta malta tem na cabeça", agora desata a dizer que para a mãe será sempre o Chichas... Chichas?!?!?!?! Isto é nome que se chame a alguém?!?!?!? Isto é palavra que se inclua num anúncio de um banco?!?!? A promover PPR's, que não é propriamente um produto financeiro dedicado a miudos?!?!?
Juizo, meus senhores... Tenham mas é todos juizinho...

Até sempre,
C&C
PS - Com um cumprimento muito especial ao Chichas...

domingo, 8 de novembro de 2009

Blablabla...

Sempre me considerei (e me consideraram) boa ouvinte. Mas ultimamente, sinto que a tendência tem sido para cada vez falar mais... e ouvir menos.
É sem dúvida uma tendência que tenho que controlar, porque neste caso, como em muitas outras coisas da vida, é no meio que está a virtude...

E posto isto, quem tiver alguma coisa para dizer, fale agora ou cale-se para sempre :-))) Eu prometo ouvir sem qualquer interrupção...

Até sempre,
C&C

sábado, 7 de novembro de 2009

Don't worry

A "dona" deste blog anda por aqui, e nem sequer anda desinspirada. As ideias surgem, como sempre, a maior parte das vezes nas viagens de e para o trabalho. Tem é imperado a preguiça para as colocar no PC.
Prometo voltar em breve!

Até sempre,
C&C

domingo, 1 de novembro de 2009

O meu apartamento é pequeno...


... mas eu tenho a sensação de ter feito quilómetros aqui dentro, para cá e para lá (sobretudo da cozinha para a sala), este fim-de-semana.
Mas foi por uma boa causa, o convívio!!!

Até sempre,
C&C

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

E se...

... os nossos pensamentos, como nos balões da banda desenhada, ganhassem forma mesmo ao nosso lado? Estavamos todos tramados, não era?

(vem isto a propósito de duas situações que aconteceram no meu dia de hoje em que enquanto conversava com as pessoas, na minha mente surgiam pensamentos sobre coisas completamente diferentes, "malvados" até)

Até sempre,
C&C

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Eles andam aí????

Porque será que, quando comento com alguém que a minha relação terminou, há sempre uma tendência para me virem falar em "principes encantados" e "almas gémeas", que, segundo as pessoas, parece que andam por aí?
Será assim tão dificil de compreender que por enquanto é sozinha que eu quero estar, e é assim que me tenho sentido bem, tranquila e em paz? E sim, como comentava hoje com a minha irmã, muito bem disposta (tanto que nem tento explorar o porquê da minha boa disposição, receando que tal exploração me leve a perdê-la). Tenho ocupado bem o meu tempo, a fazer coisas de que gosto e que me fazem bem, a conviver com amigos, a divertir-me com a minha filha.
Por isso, "principes encantados" ou "almas gémeas", se por acaso andam realmente por aí, agradeço que me deixem ficar sossegadinha :-)

Até sempre,
C&C

sábado, 24 de outubro de 2009

Frases sentidas #21 - Smile!!!

"Que o sorriso continue sempre a ser a minha maior arma, aquela que levo para qualquer batalha. Que com ele anime e incentive os amigos, e desarme os meus inimigos..."
Autora: Moi même!!!

Até sempre,
C&C

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

A win-win situation

Segundo o telejornal da RTP, depois das declarações de Saramago, dispararam as vendas de Biblias nas livrarias. Afinal, quem é que não quer ter em casa (e cito) "um manual de maus costumes" e "um catálogo de crueldade e do pior da natureza humana"?
As vendas de Caim também vão muito bem. As opiniões de Saramago relativamente à Igreja e religião católicas são de há muito conhecidas, e os leitores sabem desde sempre que se trata de um escritor polémico. Esta pimenta acaba por até ajudar às vendas.
O povo português, depois da Maité Proença e do anúncio do Pingo Doce, regozija-se por ter mais um assunto de extrema importância :-) para alimentar as conversas de café e os foruns de discussão na internet.
Resumindo, é uma situação em que todos ganham…

Até sempre,
C&C
PS - O livro (o Caim, não a Biblia) ainda não está na minha prateleira, mas apenas por falta de oportunidade para o comprar…

terça-feira, 20 de outubro de 2009

Flashforward


Depois de acabar de ver o segundo episódio, palpita-me que não vou perder nem um...
I'm loving it!

Até sempre,
C&C

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Milagres...

Se o efeito do Pilates for proporcional às dores no corpo que me tem provocado, anuncio desde já que daqui por uns meses estarei uma verdadeira top-model. Até posso continuar a comer chocolates e tudo :-)))

Até sempre,
C&C

domingo, 18 de outubro de 2009

Versão Angolana do facebook


Até sempre,
C&C

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Frases sentidas #20

"Para quem ama, qualquer sacrifício é alegria."
Benjamin Franklin

Esta frase saltou-me à vista de repente nessa pérola de sabedoria que é este blog.
É sentida e de que maneira... De que maneira...

Até sempre,
C&C

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Por falar em disparates...

Não, não vou escrever sobre a Maité Proença, acho que o assunto está esgotado e que a senhora já deve ter problemas suficientes em lidar com a própria demência...
Vou é escrever sobre o disparate que me preocupa de momento... Que foi, sabendo que não lhes consigo resistir, e que além disso ando carente, ter enchido a casa de chocolates e seus derivados, logo no mês em que me (re)inscrevi no ginásio...
E assim, em vez de começar a sentir os efeitos de estar a tratar da forma fisica... estou é a sentir novamente as calças apertadas :-(((

Até sempre,
C&C

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Que saudades de quando eu era perfeita :-)))

Nos primeiros tempos de vida, os nossos filhos veem-nos sob uma capa de perfeição. Aos olhos deles, somos os maiores, sabemos tudo, cantamos bem, conseguimos ensinar-lhes coisas… enfim, somos um verdadeiro modelo. O problema é que essa "capa" tem um prazo de validade bem mais curto do que muitos de nós estariamos à espera…
Vem isto a propósito de um episódio deste fim-de-semana com a minha filha. Pediu-me para lhe escrever o abecedário. Pensei eu que o objectivo fosse ela copiar as letras por baixo. Quando vou a ver, numa viagem de carro, pouco depois, vai ela com a folha onde eu tinha redigido as letras, a dizer "bem, bem, mal, mal". Ou seja, estava a criticar a minha caligrafia :-)))
E achou tanta piada à brincadeira que fez isto repetidamente… Quando lhe perguntava, "mas está mal porquê", obtinha respostas do tipo "porque o V tem uma perna maior que a outra", ou "o Q não se faz assim"… Está a ficar muito espertinha… E ainda só tem 5 anos…

Até sempre,
C&C
PS - Pergunto-me a quem ela saiu com um espírito tão crítico?!?!?!? (não vale dizer "à mãe")

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

E não é que...

... depois de esgotadas (quase) todas as possibilidades, depois de perdida a esperança e assumida a perda, a tal coisa que eu tinha perdido, apareceu... Pode parecer impossível, mas estava no sítio de onde, afinal, nunca saiu… Descobri que a minha carteira tem um lugar secreto para onde se escapam coisas, originado por um pequeno buraquinho num bolso interior, que faz com que o seu forro se estivesse a tornar um depósito tipo "perdidos e achados"…
Que alívio… Esta segunda-feira tornou-se muito menos cinzenta que o habitual, só por causa disto :-)))

Até sempre,
C&C
PS - Como nada é perfeito, a tal pessoa perante quem eu não tinha vontade nenhuma de assumir a perda, e que até teve uma reacção tão tranquila, agora (que o problema está resolvido) é que decidiu gozar-me a valer...

sábado, 10 de outubro de 2009

Até que enfim...

Confesso que é com grande alívio que vejo chegar ao fim esta segunda campanha eleitoral. Agora, resta-nos apenas o dia do escrutínio, os discursos de vitória e de derrota, o "esmiuçamento do mesmo", e depois, a pouco e pouco, as coisas regressam à normalidade.
Desaparecem os inúmeros outdoors, muppies, e afins, que poluem as nossas terras, e que quase sem excepção mostram gente feia e com cara de poucos amigos (alguém lhes explica que por sorrirem para uma foto ninguém vai pensar que não menos sérios, mas apenas mais humanos???)... Vou deixar de ter a minha caixa de correio todos os dias cheia com coisas que na maioria das vezes não me apetece ler... E aquele carro de campanha que passou os últimos 15 dias à porta do meu local de trabalho sempre com a mesma música a tocar pelas alturas, e que quase me levou à loucura, finalmente vai desaparecer para parte incerta...
Por isso, amanhã, e por mais que saiba que provavelmente nada vai mudar, vai ser enorme a satisfação que vou sentir ao exercer o meu dever cívico :-)))
Até sempre,
C&C

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

A duas - non-stop

Já por aqui tinha escrito que estava desejosa de partir à descoberta dos tesouros escondidos do nosso Portugal, e vai daí, numa demonstração de grande coerência entre o que quero e o que faço, parti com a minha pequenita para a capital...
Basicamente este foi o Plano C. O Plano A era marcar para um dos hoteis a que tinha feito referência, mas no fim-de-semana prolongado estava tudo cheio (é a crise), o Plano B foi tentar marcar no fim-de-semana seguinte, para um dos mais próximos... o resultado foi o mesmo...
E então lá decidi fazer um programa mais agitado...
Fomos no Alfa Pendular, que a R adorou, principalmente por ter a mãe ao lado dela em vez de no banco da frente a conduzir.

No primeiro dia fomos à descoberta do Pavilhão do conhecimento, onde eu ainda não tinha estado desde a Expo... Um mundo de experiências e descobertas. Conforme seria de esperar, a preferida da R foi "Uma casa inacabada", de capacete na cabeça lá andou na construção, feliz da vida.
No dia seguinte fomos ao Jardim Zoológico. Foi a primeira vez que levei lá a R., que adorou. Os seus preferidos: os macacos. Os meus: os golfinhos... Comovem-me, não sei bem explicar porquê.
No terceiro dia estivemos no Parque das Nações, onde ficava o nosso hotel. O tempo ameaçava chuva mas isso não nos incomodou. A minha aventureira quis andar no teleférico, e depois regressamos pelos jardins, até ao Oceanário (onde a R já tinha estado, mas há uns anos). Adorei a carinha dela, quase encostada ao vidro, junto do tanque central.
Pelo meio destes passeios ainda aproveitamos para conviver com a família que tenho a Sul, da qual tinha tantas saudades. Ouvi muitos "gosto muito de ti" e "és mesmo querida". Regressei cansada e já com tempo de chuva, mas muito contente com a experiência... Sem dúvida para repetir!

Até sempre,
C&C

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

O meu comentário ao último post...


... quanto a estados de espírito, não adianta muito justificá-los (até porque alguns deles nem nós próprios sabemos de onde vêm), o que pode ser mais complicado é lidar com eles.
Mas mesmo assim, sinto necessidade de explicar que na terça-feira (que mais parecia segunda), para além do cansaço a seguir ao fim-de-semana, e da tal "habitual neura de segunda-feira", eu estava muito mas mesmo muito irritada comigo mesma, porque tinha perdido uma coisa que não devia (não podia) ter perdido. Sentia-me cabeça no ar, irresponsável, despistada, estúpida... e sentia-me muito incomodada com o facto de ter que assumir a perda perante uma pessoa de quem não gosto, e que achava que me ía andar a massacrar com a minha irresponsabilidade durante semanas, senão meses...

Esgotadas todas as possibilidades de encontrar a tal coisa (o que implicou revirar a casa toda, entre outras diligências), lá tive que assumir a perda. Custou muito, mas enfim, nem correu mal de todo. Recebi como resposta "também já me aconteceu", sem muito mais comentários. E pronto, assim me continuo a sentir estúpida, irresponsável, despistada e cabeça no ar, mas pelo menos está assumido...

Comprovando mais uma das "minhas" frases sentidas: "se temos que fazer algo que nos custa verdadeiramente, o melhor mesmo é fazê-lo logo e arrumar com o assunto"

Até sempre,
C&C

terça-feira, 6 de outubro de 2009

Cá estou eu novamente...

... Pois eu gostava muito de escrever um belo e eloquente post, contando como foi o meu fim-de-semana, mas a verdade é que estou desinspirada, chateada, enervada e até mesmo irritada... Por tudo e por nada...
Vai ter que ficar para outro dia, siiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiimmmm?
Até sempre,
C&C
PS - Não se preocupem que o fim-de-semana foi muito bom, isto é só mesmo a neura de segunda-feira transferida para terça, à mistura com o aborrecimento que me provoca a minha estupidez natural... Nada de especial, portanto :-)
PS2 - As minhas boas-vindas à seguidora nº 22. Desculpa receber-te com este post tão mal-disposto... A disposição há-de melhorar...

sábado, 3 de outubro de 2009

Packing!



Finalmente a mala está feita, e eu preparada para amanhã bem cedo sair para o primeiro fim-de-semana que eu e a R passamos "a duas"...
Para aproveitarmos ao máximo a companhia uma da outra, brincarmos e fazermos muitas coisas juntas!

Não tenho agora energia para escrever muito mais, mas prometo contar tudo quando voltar!

Bom fim-de-semana prolongado a todos que por aqui passam!

Até sempre,
C&C