Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

segunda-feira, 30 de março de 2009

Boas intenções


Imagino que aconteça a quase toda a gente e que seja sinónimo de se terem passado uns diazinhos relaxados, mas regressei de férias cheia de boas intenções... de vários graus de importância e algumas delas que ainda nem sequer comecei a cumprir. Basicamente e em resumo, a ideia que norteia quase todos os meus projectos é ter mais cuidado comigo... quer fisica, quer mentalmente... o ano não vai ser fácil (como estes dois primeiros dias de regresso ao trabalho já me recordaram sem deixar margem para dúvidas), por isso aqui a Cookie merece oferecer-se alguns miminhos antes que se "esfarele" toda!

Até sempre,

C&C

domingo, 29 de março de 2009

1, 2, 3 experiência

Depois de ter registado com curiosidade no blog do Fernando Alvim que o numero de visitantes diários tinha disparado no dia seguinte a ele ter escrito um post no qual havia palavrões, vou eu também fazer uma experiência ousada... Não se preocupem, não vai ser um palavrão e é até um post que pode ser lido por menores... Bom, cá vai :-)))))

Algumas informações bem úteis sobre o corpo humano:
- A comida leva sete segundos para ir da boca ao estômago.
- Um fio de cabelo aguenta o peso de 3 kg.
- O tamanho médio do pénis é três vezes o comprimento do polegar.
- O fémur é mais forte do que o cimento.
- O coração da mulher bate mais rápido que o do homem.
- Existem aproximadamente um trilião de bactérias em cada pé.
- As mulheres piscam os olhos duas vezes mais que os homens.
- O peso médio da pele é duas vezes maior que o do cérebro.
- O corpo utiliza mais de 300 músculos para manter o equilíbrio quando está parado em pé.
- As mulheres que estão a ler este texto já terminaram.
- Os homens ainda estão ocupados a medir os polegares...

Eheheheheh...

Até sempre,
C&C

sexta-feira, 27 de março de 2009

O melhor do mundo


Andava eu a "dar uma voltinha" na blogosfera, quando de repente passei por aqui e dei por mim a chorar, porque deste post emana aquela cumplicidade que é unica entre um pai e uma filha, e da qual tenho tantas saudades.

Este ano não estava aqui no dia do pai e por isso não assinalei a data no blog. Como já tinha referido, o dia 19 de Março voltou para mim a ser um dia de comemoração, porque é o dia do aniversário do D., e este ano teve o significado especial de ser passado em férias, no dia em que visitamos uma das 7 maravilhas do mundo.

Mas como sempre as saudades apertam, e vêm sem data marcada... E neste preciso momento em que os meus olhos choram por não te ter aqui comigo, segue para ti, querido pai, um sentido abraço da tua filha que te adora!

Até sempre,
C&C

Livros

Eu juro que não passei as férias a ler (e peço ao D. para ser minha testemunha de defesa), o que se passou foi que já tinha começado a ler os dois primeiros livros abaixo há algum tempo, e o outro foi um caso de paixão que me levou a ficar acordada quase até às 2h da manhã na véspera do regresso ao trabalho:

A viagem do elefante - José Saramago

O estilo inconfundível está lá, simplesmente o tema está longe dos melhores tempos do autor, nomeadamente com dos meus preferidos Jangada de Pedra e Ensaio sobre a Cegueira. Uma das coisas que mais aprecio neste autor é a capacidade de partir de um cenário improvável ou impossível e daí rumar numa história de todas as consequências, na imaginação de um novo cenário partindo dessa improbabilidade. Aqui isso não existe... Mas é um bom livro, apesar de tudo, e com a particularidade interessante de ser baseado num facto veridico.

O vencedor está só - Paulo Coelho

Já há bastante tempo que não lia nada deste autor, porque achava que ao fim de alguns livros já todos pareciam iguais... Mas este foi uma surpresa, porque se trata de um thriller que decorre durante o festival de cinema de Cannes, e no qual ao longo da trama o escritor aproveita para descrever os comportamentos daqueles a quem chama a "superclasse" e dos que aspiram a pertencer a ela, num mundo em que quase todos vivem apenas de aparências, com vidas mundanas, superficiais, e quase sempre infelizes...

O rapaz do pijama às riscas - John Boyne

Este livro deixou-me completamente presa. Como está escrito na capa, é uma história de inocência num mundo de ignorância... A história de Bruno, o filho de 9 anos de um comandante nazi, que sem saber como nem porquê vai morar para junto de um campo de concentração, sem perceber e sem que alguém alguma vez lhe tivesse explicado onde é que estava e o que é que ali se passava. Um local onde faz um amigo, Shmuel, que vive do outro lado da vedação e que como todos os que lá habitam, veste todos os dias um pijama às riscas.

É dificil escrever mais sem desvendar o enredo mais do que devo... apenas posso dizer o seguinte: um livro a ler e um filme que também gostava de ver (embora imagine que tal como "A vida é bela" seja daqueles filmes que abana consciências e não deixa ninguém indiferente).

Até sempre,
C&C

Saudades da boa vida

Parece que já vão longe... Mas não quero deixar de fazer aqui um breve relato sobre os dias de sonho que eu, o D e a R passamos no México, e mais precisamente na Riviera Maia. Apesar da distância (quase 10 horas de avião) é realmente um destino de férias excelente, ao qual não excluo a hipotese de voltar. Ficamos hospedados num complexo composto por três hoteis (Gran Bahia Principe), uma pequena cidade... com cerca de 2.500 funcionários, um número médio de 5.700 hospedes de várias nacionalidades, sendo a sua maioria oriundos do Canadá e USA. Mas também com muitos portugueses. Não posso dizer que os funcionários mexicanos fossem do mais simpático possível (neste aspecto não há como os brasileiros), mas de um modo geral, eram eficientes. A qualidade dos serviços, muito boa! Comida para todos os gostos, muito bem confeccionada, e em muitos casos preparada na hora, bebida idem aspas (ai que saudades das Margaritas que bebi no restaurante mexicano...). Um hotel cheio de pormenores que nos faziam lembrar que estavamos a ter um tratamento de luxo. E tão grande que apenas no último dia descobrimos as redes na praia onde a foto acima foi tirada, e onde passamos um bom bocado.
Mas o México é também um destino de cultura, onde se podem visitar parques arqueológicos, com destaque para o de Chichen-Itza, onde o simbolismo impera, e no qual todos os detalhes nos levam à constatação de que a antiga civilização maia era de facto muito avançada para a época... também a visitar, o parque de Ek-balam, no qual os mais corajosos ainda podem subir piramides... depois desta visita a minha filha chamou-me pela primeira vez medricas (porque eu não consegui subir nem à piramide mais pequenina, à qual ela subiu com o D... ai as vertigens...)
Lembro também a visita ao parque de Xcaret, com todos os animais, a fabulosa paisagem junto ao mar... o espectáculo nocturno que também evoca a diversidade cultural mexicana...
A recordar os mergulhos da R, que não saía da água na praia ou na piscina, a infinita paciência do D sempre a acompanhá-la, a cumplicidade dos dois...
E já a pensar em quando voltaremos a ter oportunidade de passar uns dias assim maravilhosos... Adorei!
Até sempre,
C&C

quinta-feira, 26 de março de 2009

Voltei...

... Ainda muito cansada para fazer um relato pormenorizado das férias, porque a viagem de regresso foi atribulada... quando o avião acelerava para a descolagem de repente travou e logo nos apercebemos que algo não estava bem. Depois de uma série de impasses, assumiram que o avião estava avariado e que teriam que aguardar a chegada de outro avião de Lisboa para o nosso regresso. E voltámos aos hoteis onde estavamos (desde que saimos do hotel até voltarmos passaram 12 horas). No dia seguinte voltamos ao aeroporto logo depois do pequeno almoço, e o avião só partiu às 16:30 (hora local). Chegamos a Lisboa às 7:15 de ontem (quase 36 horas depois de termos saído do hotel pela primeira vez), e depois ainda tivemos a viagem para o Norte... felizmente consegui adiar o regresso ao trabalho por um dia e hoje estive a descansar e a reorganizar a casa...
De salientar o comportamento da minha filha, absolutamente exemplar, e até notado por outros passageiros. Fabuloso, no meio de todos os contratempos... Ainda me ajudou a rir e a descomprimir... sem duvida tem alma de turista! :-)))

Agora estou-me a mentalizar para o regresso ao trabalho, felizmente com muita calma...

Até sempre,

C&C

sábado, 14 de março de 2009

Fériaaaaaasssss

Se alguém precisar de mim nos próximos dias, devo andar por aqui:


A cantar "la cucaracha", protegida do sol por um sombrero, enquanto como chili e bebo tequilla, na melhor companhia possível: o D e a minha filha!!!

Mas até chegar a hora da viagem, tenho que reunir as minhas últimas reservas de energia para tratar dos detalhes logisticos da viagem... Me voy...

Hasta la vista,

C&C

sexta-feira, 13 de março de 2009

Out...

É com enorme satisfação que comunico que acabei de ligar o "Assistente para ausência do escritório".

Até sempre,
C&C

quarta-feira, 11 de março de 2009

O peso da responsabilidade é...

... ouvir, em média a cada 5 frases que digo "eu sei que isso é verdade, mãe, tu nunca mentes"...

Por outro lado é um motivo de orgulho saber que a minha pequenita captou bem o que lhe transmiti, que podia sempre confiar no que a mãe lhe dizia...

Até sempre,
C&C

terça-feira, 10 de março de 2009

Agora a sério... sem mentirinhas :-))


Ninguém se aproximou das respostas certas... fiz de propósito para baralhar um bocadinho, se fosse muito fácil não tinha tanta piada. Entre as respostas da For You, Mãe e Mary (cada uma acertou numa mentira), encontravam-se as 3 respostas certas. O Dani não acertou nem uma... :-)))


  1. Já estive em 3 continentes. Mentira. Estive em quatro, além da nossa Europa, que obviamente conta, estive na Ásia, América e Africa (querido D, uma das vezes em Africa estiveste comigo, não acertaste esta porque estavas mesmo distraído)

  2. Durante a minha adolescência dediquei-me à escrita de um livro de aventuras. Verdade. Infelizmente essa obra prima ficou inacabada e anda em paradeiro incerto... (SS, tinhas razão!)

  3. Sou capaz de passar uma noite em claro para ler um bom livro. Mentira. Sou uma leitora compulsiva, e se o livro me entusiasma posso ficar a ler até tarde, mas nunca uma directa.

  4. Viajei de avião no meu primeiro dia de trabalho. Verdade. Foi marcante para a maçarica que era na altura. Fui para formação em Lisboa por duas semanas, e a viagem OPO-LX foi de avião. Aliás até passei lá o meu aniversário, o primeiro longe dos meus pais. Mas como era um bom grupo. foi divertido. Já lá vão quase 10 anos...

  5. Já perdi a carteira pelo menos 3 vezes e consegui recuperá-la sempre com tudo lá dentro. Verdadinha... E depois deste post já deixei um saco com compras acabadinhas de fazer numa loja no shopping, e quando lá voltei ele lá estava à minha espera. Às vezes acho que não devia ter tanta sorte nisto, para aprender a ser mais cuidadosa. D, ao contrário do que dizes, sou mesmo cabecinha de alho chocho...

  6. Todas as semanas aposto 2 € no Euromilhões. Verdade. Desde que estou a trabalhar neste local faço todas as semanas uma aposta no local onde tomo o o pequeno almoço. Sem grandes resultados até ao momento...

  7. Tive uma paixoneta de adolescência pelo Vitor Baia. Confesso com algum embaraço que é verdade... Não havia muito que fazer por essa altura lá na terrinha, e os homens interessantes também eram uma raridade...

  8. Até hoje, participei em 3 desfiles de Carnaval, vestida de prisioneira, múmia, e bailarina. Verdade... O ultimo dos quais este ano, como já contei... de prisioneira... não foi de múmia, felizmente. Quanto à bailarina, como a mãe ficou com dúvidas, esclareço que foi bailarina de rancho folclórico. Não deixa de ser uma bailarina, pois não?

  9. Nos últimos 10 anos engordei mais de 10 kgs. Muito obrigada a quem achou que esta era mentira (D não incluido... humpf). Ainda não chegamos lá... dos 57,5 kgs que pesava quando terminei o curso ((há 10 anos), passamos para 57,5 + nº inferior a 10 que não pretendo quantificar... Mentiraaaaaa

Até sempre,

C&C

Baba de caracol?!?!?!?! Iaaaackkkkk

Hoje na farmácia, enquanto estava à espera de uma receita, detenho-me perante um creme facial que anunciava ser anti-rugas, e ajudar a corrigir marcas e cicatrizes. Estou mesmo a precisar de uma coisa destas, pensei eu... e detive-me a analisar o produto, até ler em letras garrafais "baba de caracol". Estou mesmo cansada, pensei eu, já estou a ver mal... Mas não... era mesmo isso... o creme é feito à base de baba de caracol, e tem um aspecto que em nada disfarça esse facto.


Entretanto, estava agora a fazer uma pesquisa no google, e constato que a baba de caracol terá imensas propriedades estéticas e terapeuticas.

Sou só eu a achar isso um verdadeiro nojo?

Até sempre,
C&C
PS - Se alguém quiser dar uma opinião mais profissional sobre o assunto, "be my guest" :-)))
PS2 - Sei que não sou só eu a achar um nojo, contei à minha filha e foi o comentário imediato dela, enquanto fazia caretas...

sábado, 7 de março de 2009

Desafio...



Para colocar os "TPC's" em dia, cá vai a resposta ao desafio colocado pela For You:

As regras são:(1) publicar o link e quem nomeou.(2) publicar as regras.(3) contar 6 coisas aleatórias sobre si.(4) indicar mais seis pessoas e publicar os respectivos links.(5) avisar quem nomeou.(6) não apressar os nomeados.

1 - Os ultimos 9 meses em termos profissionais têm sido muito dificeis, e para este ano (e provavelmente ainda para 2010) também não se antevê muita coisa de positivo. Felizmente que já tenho experiência suficiente para saber que "o que não nos mata, torna-nos mais fortes", e que o pior que podemos fazer quando temos problemas é deixá-los na secretária "a marinar". Porque eles nunca se resolvem com o passar do tempo, e pior que isso, na nossa cabecinha acabam por se tornar maiores se não forem logo resolvidos.

2 - Alguns dos meus defeitos que mais me incomodam, são a insegurança a timidez. Sobre o segundo venho trabalhando com bons resultados, e a medida de choque da última mudança profissional foi sem dúvida importante para isso. Contra o primeiro continuo em guerra aberta... Acho sempre que não sou suficientemente boa em nada, e que sou aborrecida e pouco interessante...

3 - O meu relógio biológico preferiria que me mantivesse acordada até mais tarde e me levantasse apenas no final da manhã. Desde que comecei a trabalhar, e principalmente desde que a R nasceu, tenho que contrariar esta minha caracteristica... Agora, e mesmo quando posso, raramente consigo dormir até tarde. Hoje (Domingo) acordei bem antes da R, e antes das 8h... Daaahhhh!!!

4 - Tenho um enorme orgulho em manter uma excelente relação com a familia do meu ex-marido, e até em continuar a ser vista como "amiga da casa".

5 - Adoro ler e escrever. Desde que aprendi a ler que este é um dos meus principais passatempos. E também desde pequena que vou escrevendo, ou nos díários dos tempos da adolescência, ou mais recentemente nos blogs.

6 - Um dos meus principais desejos é conseguir manter uma boa relação com a minha mãe. Não tem sido fácil, somos muito diferentes e apesar de às vezes até parecer que está tudo bem, as tempestades espreitam sempre a cada esquina.

E é pena serem só seis que teria muito mais "contas para desfiar".

Como também sou um pouco rebelde, nomeio apenas o Dani.

Até sempre,
C&C

As palavras que por cá se escrevem...



O Wordle é uma aplicação que entre outras funcionalidades, permite criar uma lista estilizada das palavras mais utilizadas no blog. Acima o resultado do meu... Giro, hein?

Até sempre,

C&C

sexta-feira, 6 de março de 2009

Verdades & mentiras


Dos desafios que tenho visto na blogosfera, este é o que para mim tem mais piada até agora... Não tenho resistido a dar os meus palpites. Desafiada pela Mary e pela For You, cá vão 6 verdades e 3 mentiras sobre mim:
  1. Já estive em 3 continentes.
  2. Durante a minha adolescência dediquei-me à escrita de um livro de aventuras.
  3. Sou capaz de passar uma noite em claro para ler um bom livro.
  4. Viajei de avião no meu primeiro dia de trabalho.
  5. Já perdi a carteira pelo menos 3 vezes e consegui recuperá-la sempre com tudo lá dentro.
  6. Todas as semanas aposto 2 € no Euromilhões.
  7. Tive uma paixoneta de adolescência pelo Vitor Baia.
  8. Até hoje, participei em 3 desfiles de Carnaval, vestida de prisioneira, múmia, e bailarina.
  9. Nos últimos 10 anos engordei mais de 10 kgs.

Sintam-se desafiados... a acertar!!!

Até sempre,

C&C

As crianças

Começo este post por dizer que sei que não sou uma mãe perfeita, tenho consciência das minhas limitações, umas inatas, e outras decorrentes do meu modo de vida... o que não invalida que tente sempre fazer o melhor que sei e ser o mais racional possível. E acredito piamente que muito daquilo que as crianças são decorre de tudo o que lhes transmitimos.

Vem isto a propósito de hoje ter passado mais de uma hora com a R e com o primo A (da mesma idade dela), o qual tem sido catalogado nos tempos recentes quer pela mãe quer pela avó (minhas ex-cunhada e sogra, respectivamente) como estando insuportável.

Passamos um bocadinho de brincadeira super-agradável (foi o tempo que estive hoje com a R, que passa a noite com o pai, por isso tinha mesmo que aproveitar). Quando o A dava sinais de mau comportamento, eu agia tranquilamente e em conformidade. Se falava alto, eu dizia-lhe numa voz serena "agora experimenta dizer a mesma coisa mais baixinho, vais ver que nós ouvimos na mesma"; se dizia uma asneira, eu dizia "eu ouvi o que tu disseste, A, e se repetires não vamos brincar mais", se tentava dar ordens, eu exigia um tom calmo e as palavras "por favor". E passado um bocadinho, o A, que é sempre tão arisco e normalmente nem liga muito às pessoas, estava sentado ao meu colo. E ao sair deu-me um beijinho super carinhoso que me fez vir para casa a pensar: isto pode ser tão simples... porque é que as pessoas complicam? Ele só precisa que lhe mostrem com calma o que é certo e errado. Agora se ele faz asneiras e alguns lhe falam aos berros, é natural que ele se habitue a falar da mesma forma. Se outros lhe abrem a "auto-estrada da asneira", porque não querem contrariar o menino, então aí ele deixa de saber o que é suposto fazer ou não.
Por um lado senti-me bem, porque acho que naquele bocadinho lhe consegui transmitir alguma coisa, e porque sei que nos aproximamos. Por outro lado, fiquei com pena. Porque a culpa não é dele, porque vive num meio familiar pouco equilibrado, porque lhe falta um pai presente para lhe dar orientação... e lamentei não ter mais tempo disponível para passar com ele... que há-de ser sempre o meu sobrinho querido!

Até sempre,
C&C

Euromilhões

Acho curiosa esta corrida às apostas no Euromilhões nas semanas em que há vários jackpots acumulados... Na minha opinião, nestas coisas, ou se joga, ou não se joga... Agora, haverá quem pense que só com um prémio de 100.000.000 € é que se justifica uma apostazita?!?!? E 10.000.000 €, é pouco?!?!?

Até sempre,
C&C
PS - Depois de ter dado uma vista de olhos aos números no telejornal, parece-me que ainda não foi desta que fiquei ultra-milionária. Mas sinceramente, acho que ficava mais feliz com os tais 10.000.000 € que para muita gente não justificam uma aposta (e já seria dinheiro a mais), do que com os 100.000.000 € desta semana...

terça-feira, 3 de março de 2009

Os outros "habitantes" cá de casa

Para mais tarde recordar... e também porque nos últimos dias o Serafim (piriquito) ficou doente e fiquei bastante preocupada com ele, e comprei uma plantinha que já há muito queria para o hall de entrada, apresento-vos os outros seres vivos que habitam nesta humilde casinha:

Serafim & Companhia (estivemos a tentar dar nome à planta mas não chegamos a acordo)

Até sempre

C&C

PS - Para quem estiver interessado, o piriquito apareceu com o bico todo de lado e em estado de deterioração. Pelos vistos é normal e é falta de cálcio. Comprámos (a minha mãe comprou... obrigadaaaaaa) na loja de animais uma barrinha de cálcio para colocar na gaiola. Hoje já vi que ele lhe tem dado umas boas bicadas, espero que o tratamento resulte.

segunda-feira, 2 de março de 2009

A frase do dia

Hoje no caminho para o trabalho ouvi uma frase na TSF que me ficou na cabeça. Por causa do delicado efeito conjunto de ser 2ª feira e do soninho matinal só apanhei mesmo a frase, não consegui fixar quem a proferiu... Peço portanto desculpa ao autor, mas cá vai:

"Não se preocupem, ocupem-se!!!"

Haverá receita mais simples do que esta para a tão famigerada crise de que tanto se fala?

Portanto, meus caros, toca a arranjar ocupações (podem ser o mais diversificadas possível) para as vossas vidinhas (que isto de ficar sentado a assistir aos noticiários ultimamente é do mais deprimente que há)...
Até sempre,
C&C

domingo, 1 de março de 2009

Um polipost... aposto que já tinham saudades :-))))

Entre muitos assuntos que tenho para abordar, e retomando uma antiga tradição, cá vai mais um fabuloso polipost (prometo não me alongar muito)

... Filmes - Milk

De entre a lista de preferências, esta sexta-feira calhou mais um dos nomeados para os Óscares. Com uma prestação realmente fabulosa de Sean Penn, confesso que este filme não me tocou particularmente. Isto porque não sou partidária de qualquer tipo de fenómeno de activismo... para mim é como naquele antigo slogan "todos diferentes, todos iguais", sejam gays, hetero, brancos, amarelos ou pretos, homens ou mulheres, ricos ou pobres. Desde que as liberdades individuais não colidam umas com as outras, por mim está tudo bem... Mas não nego que para chegarmos a este ponto, terei porventura muito a agradecer às avozinhas de muitos de nós, na sua luta pela igualdade de direitos das mulheres...
Gostei, mas não adorei...

... Livros - O caminho menos percorrido (M. Scott Peck, psiquiatra)
Um livro que começa com a frase "a vida é dificil", e que aborda o tema da resolução dos problemas. Sendo a vida dificil a forma como os abordamos é sem dúvida a chave principal para a felicidade. Fez-me bem ler este livro nesta altura, porque realmente tinha assuntos dificeis para abordar, e sem duvida que uma das coisas mais importantes que aprendi na minha vida foi que se não abordarmos os assuntos incómodos de forma rápida e determinada eles agigantam-se e tornam-se verdadeiras tempestades duradouras e de consequências enormes, quando poderiam ter sido meros aguaceiros, intensos mas passageiros.
Pontuação para o livro: 3 valores (descambou um pouco quando resvalou para o espiritualismo, no meu entender).

... I love walking :-)))

Com o regresso do tempo ameno estou a retomar aquela que é (oficialmente) a unica actividade fisica que eu faço com prazer... caminhadas!!!
Um verdadeiro privilégio quando se tem a possibilidade de o praticar numa terra que a isso convida, bem plana e com a possibilidade de fazer um extenso percurso sem passar mais do que uma vez com o mesmo sitio, com a visão retemperadora do mar que tanto estimula os sentidos... Ontem tive a possibilidade de fazer uma caminhada de 6 kms, logo de manhazinha... Fantástico: a cidade a acordar, o tempo ameno e ligeiramente nublado sobre a orla maritima, e a companhia do rádio do meu pedómetro para ajudar ao ambiente!!!
O efeito é como o (que dizem) que tem o Red Bull - revitaliza corpo e mente...
Para tentar repetir todas as quintas ao final do dia e Sábados de manhã.
... À portuguesa

Por uma vez na vida decidi fazer as coisas como o faz o bom português (numa de desenrasque) e como correu bem, não resisto a partilhar...
Como vamos fazer a viagem de férias no dia 16 tinha necessidade de tirar o passaporte para a R., e como a morada no BI estava desactualizada, liguei para a loja do cidadão e para a conservatória do registo civil da terrinha, tendo-me sido dada a mesma informação: teria que tirar primeiro o cartão do cidadão, e depois aguardar que este chegasse para ir tirar o passaporte. Fiquei logo stressada, porque sabia que para algumas pessoas o cartão do cidadão estava a demorar muito tempo, mas fui obedientemente tirá-lo. Mas decidi também ir ao Governo Civil, na loja do cidadão, tirar as teimas e saber se era mesmo assim e não havia outra possibilidade... Resultado: o passaporte da R. já está na minha mão e já não há stress de ter os documentos a tempo das férias... cartão do cidadão, nem vê-lo.
Moral da história: Às vezes queremos fazer tudo tão certinho que só acabamos por nos prejudicarmos...

E pronto, já falei de tudo... Agora esgotei os assuntos, portanto contem com o próximo post só lá para Abril... Eheheheh!!!
Beijocas e até sempre,
C&C