Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

sábado, 30 de julho de 2011

Home alone

O J. saiu para uma despedida de solteiro, bem longe daqui. A R. este fim de semana anda de festa em festa de aniversário, feliz por rever os amiguinhos da escola, em tempo de férias. E eu fiquei pela primeira vez sózinha em casa, gozando do almejado descanso de que tanto precisava, por algumas horas.


Não é que esteja mal, no terraço a apanhar sol... Mas a verdade é que sinto a casa tão vazia sem os meus amores...


O que vale é que é por pouco tempo. Pelo menos é a mensagem que vou transmitindo ao meu cérebro.




Até sempre,


Cookie

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Fim-de-semana precisa-se!!!

Para fazer... nada!

Para ir... a lado nenhum!

Para aterrar no sofá e de preferência dormir umas sonecas.

E pronto, para passar a ferro, que para mal dos meus pecados não foi só o chefe que foi de férias, a empregada também e alguém :-((( tem um montão de roupa para passar. E muito pouca vontade. E muito pouco jeito. E problemas de coluna. (*)


Ó vida... Ó férias que nunca mais chegam...


Até sempre, (cansadooooooooooooooooooooo)

Cookie

(*) O comentário mais desejado a este post: a minha mãe querida a oferecer-se para me passar a roupinha. Hein??? Pode ser?

terça-feira, 26 de julho de 2011

Que nervos...

Nada me enerva mais num ser humano do que a arrogância. Sobretudo quando, por circunstâncias profissionais, não posso responder-lhe da forma que desejava (que era por certo a merecida).


Até sempre,

Cookie

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Sentimentos nostálgicos

Costuma-se dizer que para melhor muda-se sempre, e parece-me que a expressão se aplicará à generalidade das situações de mudança. O que não quer dizer que no pós mudança não existam sentimentos nostálgicos. Falo da minha mudança recente, a de casa. É verdade que o conforto proporcionado pela casa nova não tem comparação com o do minusculo T2 que ocupávamos. É verdade que continuo apaixonada pela minha casa nova, e pelo projeto de a irmos a pouco e pouco decorando, de irmos comprando aquelas pequeninas coisas que fazem falta à medida que vá havendo possibilidade. É verdade que continuo encantada por ter um terraço, espaço ao ar livre onde fazer as refeições, ou simplesmente estar sentado à noite a ver o luar. Ainda ontem foi divertidissimo observar a alegria das miudas após termos instalado o chuveiro no jardim.
Mas não posso deixar de dizer que sinto saudades do apartamento. Foi um espaço marcante na minha vida, no fundo foi o único imóvel que adquiri sózinha, comprado para morar em conjunto com a minha filha. Representou de certa forma a minha independência completa, e uma fase importante da minha vida. Aquela em que percebi que não precisava de ter ninguém comigo (excepto a minha princesa) para ser feliz. Que a minha felicidade dependia em muito da minha atitude perante a vida. Lições importantes que aprendi sozinha, que vou guardar para sempre e me fizeram crescer imenso enquanto ser humano.

Foi por ali que vivi o inicio da minha relação com o J, que nos encantámos um com o outro, que decidimos morar juntos, que ele estreitou laços com a minha filha, que eu fui a pouco e pouco conquistando a atenção e carinho da filha dele. Por ali vivemos momentos mágicos, apenas os dois, ou com as nossas pequeninas. Por ali consolidamos a nossa relação até sentirmos segurança para darmos o passo do casamento.
Ali fomos felizes, muito felizes. E por tudo isto, por melhor que esteja agora, não consigo evitar sentir saudades daquele cantinho…

Até sempre,
Cookie

sábado, 16 de julho de 2011

Finalmente...



... temos televisão e internet na casa nova!

O tempo é que parece que nos está a querer pregar uma partida, pelo que provavelmente teremos que adiar a estreia do chuveiro.

De qualquer forma, e apesar disso... que bem que se está aqui!!!



Até sempre,

Cookie

sexta-feira, 15 de julho de 2011

E por falar em coisas simples...

... palpita-me que este fim-de-semana que vamos estrear o chuveiro de jardim que comprámos para o terraço :-)))))


Até sempre,

Cookie

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Felicidade é...

De problema em problema, assim vai decorrendo o dia-a-dia profissional. Não se augura nada de diferente para os próximos tempos (meses, anos, talvez). Neste momento as minhas expetativas são apenas de que as coisas piorem.
Por isso a (minha) regra é: "Habitua-te, procura não te enervares, faz sempre o melhor que puderes, e nunca, mas nunca mesmo, te esqueças que há vida fora destas paredes".
Nestas alturas, a qualidade do tempo passado fora do trabalho é ainda mais importante. Momentos tranquilos e felizes, são mais necessários do que nunca. E às vezes é tão simples… Ainda ontem, depois do jantar, o J lembrou-se de se ir sentar com a R nas espreguiçadeiras do terraço, gozando da frescura noturna e apreciando a lua cheia e o céu estrelado. Quando me juntei a eles, aos meus amores, não pude deixar de pensar que realmente não é preciso muito mais do que este cenário para estar feliz, pelo menos ali, naquele momento, com aquela companhia.

Até sempre,
Cookie

terça-feira, 12 de julho de 2011

E entretanto…

… na semana das mudanças ainda houve tempo para me encher de orgulho pela minha pequenita, por duas vezes. Primeiro com a reunião de avaliação na escola, em que entre rasgados elogios feitos pelo professor, recebi uma ficha de uma nota só, a todas as disciplinas e AEC's: Muito Bom! Fiquei feliz quer pelas notas, quer pela avaliação qualitativa. É muito bom dizerem-nos que a nossa filha é muito bem educada, sociável, que se integra perfeitamente, que gosta de ajudar os outros meninos. Que encara a escola com alegria e é uma criança feliz…
E dois dias depois ainda me pude deliciar com o sorriso rasgado que exibiu na passerelle, perante centenas de pessoas, no desfile de moda realizado lá na cidade. Fico sempre admirada… como pode ser tão diferente de mim... e tão parecida, ao mesmo tempo, em algumas coisas? Como costumo dizer, uma versão melhorada de mim, em que a insegurança e timidez que sempre me caracterizaram e incomodaram, foram substituidas por um à vontade enorme e um sorriso aberto...

Obrigada, princesa linda… A mãe ficou mais uma vez (ou duas) encantada e completamente derretida contigo!!!


Até sempre,

Cookie

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Muito trabalho e algumas nódoas negras depois...

... cá estou (estamos) de regresso. Foi uma semana cansativa, passada entre caixotes (cerca de 60, contei-os eu) e com duas crianças a nosso cargo. No dia 5 de Julho ficamos pela primeira vez a dormir na casa nova. Posso considerar que a casa já está organizada a cerca de 90% (faltam apenas alguns detalhes que implicam fazer compras que ainda não foi possível efetuar, e coisas do tipo instalar TV, Internet, alterar moradas... enfim).

Entretanto ainda foi possível ir dois dias até à praia, mais por termos prometido às miudas que o faríamos, porque admito que custou sair de casa no preciso momento em que ela se tornou confortável. Foram dias muito stressantes e o humor nem sempre foi dos melhores (a propósito, querido J., desculpa as minhas falhas e o mau feitio).

Mas ontem, de regresso e apenas os dois, foi nitida a sensação do dever cumprido, aliada à alegria por termos realizado um sonho (um dos maiores, parece incrível que o tenhamos realizado em menos de 1 mês). Adoro a casa que comprámos, o nosso cantinho, em cada pequeno pormenor. É muito bom sentir que algo que compramos já quase concluido é completamente "a nossa cara", e tudo tão moderno, tão prático, tão funcional... :-)))

Espero e acredito que o nosso novo lar será o palco de muitos momentos felizes. Afinal, depende sobretudo de nós...


Até sempre,

Cookie

sexta-feira, 1 de julho de 2011

Um mimo por dia, para ti...

Já sabiamos que esta semana ía ser de loucos. A conjugação do final do trimestre com a semana antes de férias tornaria o ritmo laboral alucinante, a preparação da mudança de casa iria também absorver-nos imenso. Era a típica semana em que não sobrava tempo para namorar…
Pensando nisto, lembrei-me: que melhor altura poderia existir para desafiar a rotina e mimar o meu amor? A ideia foi bem simples, todos os dias da semana fazer-te um miminho, uma pequena surpresa. Coisas pequenas, simples e simbólicas, desde uma visita surpresa a meio do dia, trazer-te o teu carro lavadinho, até à "inauguração" do terraço da nossa casa nova (não vou esquecer a tua expressão, o teu sorriso, tinhas a felicidade estampada no rosto).
O teu miminho de sexta-feira é este post, apenas para te dizer que com vontade conseguimos desafiar a rotina mesmo nas alturas mais improváveis. Tu também o fizeste, ainda ontem, ao presentear-me com rosas no trabalho.
No final desta semana, apesar de tanto trabalho e de tanto cansaço, a nossa chama está (ainda mais) acesa. E é tão simples, basta que exista vontade. E isso eu sei que temos, ambos… muita…

Amo-te cada vez mais!
Tua,
M.
PS - Obrigada. Foste tu que me ensinaste e fizeste perceber como é maravilhoso receber miminhos destes.