Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

domingo, 24 de agosto de 2008

Coincidências stressantes


Sempre tive uma relação descontraida com as viagens de avião, e considerava este meio do transporte como um dos mais seguros. Até já me tinha habituado à coincidência de uns dias antes de eu fazer uma viagem, acontecer sempre alguma coisa com um avião, algures no mundo. O que ainda não me tinha acontecido, era que esse avião fosse precisamente da mesma companhia na qual eu vou viajar... Por isso, quando daqui por uns dias me sentar a bordo de um avião da Spanair, ainda por cima com a minha filha ao lado, confesso que pela primeira vez, a tranquilidade será pouca... Wish me (us) luck!!!

Até sempre,
C&C

quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Este blog está... de férias


Pois bem, o motivo que me tem mantido mais afastada do blog, é, como provavelmente já se adivinhou, o gozo de merecidas férias por parte da sua mentora!!! Estou a meio da primeira de 3 semanas preciosas, o que à partida até parece bastante tempo... mas a verdade é que tenho sido perseguida pela sensação de que não tarda estarei a trabalhar. Não tenho propriamente pensado em trabalho, simplesmente não consigo abandonar a sensação (disparatada) de que o dia de regresso está próximo... Espero que entretanto passe...

E espero também conseguir chegar ao fim das férias inteira, uma vez que retomei um passatempo bem antigo, e do qual guardo más memórias (na forma de uma cicatriz no joelho). Convenci-me de que estou numa terra que convida à prática do ciclismo , já tenho bicicleta, e dentro das minhas limitações de caracter prático (visto que colocar a minha filha em cima da mesma bicicleta que eu se afigura totalmente impraticavel), e já a estreei... Confirmei as minhas expectativas, assim como que, como dizem, é daquelas coisas que uma vez que se aprende, jamais se esquece... Espero continuar a praticar afincadamente, e sem mazelas!


Até sempre,
C&C

sexta-feira, 8 de agosto de 2008

Outros rumos...

Quando vou a um supermercado cá da terra, e me cruzo com uma antiga colega minha dos tempos de colégio, a fazer atendimento na caixa (e não é só uma, nem duas), dou o devido valor às pestanas que queimei nos longos anos que passei a estudar, e que realmente fizeram a diferença nos rumos que as nossas vidas tomaram...

Até sempre,
C&C

domingo, 3 de agosto de 2008

Livros - "Uma vida em mil pedaços"

Autor: James Frey
Os meus comentários sobre os livros andam realmente atrasados, talvez porque os livros que tenho encontrado têm realmente despertado o meu interesse, e deste modo eu acabo por andar mais "agarrada" aos livros que ao computador, no meu pouco tempo livre.
Tive este livro na prateleira durante um bom tempo. Comprei-o sabendo de antemão que seria bastante duro, e por isso ía colocando outros à frente, esperando por um estado de espirito mais "forte". Mas realmente enganei-me... este livro é realmente duro, mas tem uma mensagem bastante positiva.
Fui buscar a sinopse que encontrei na Webboom, porque o cansaço que já acumulo não ajuda à inspiração, e também porque de facto contém tudo o que eu pretendia dizer sobre esta obra:
"Inspirado no caso verídico de James Frey, Uma Vida Em Mil Pedaços é um relato impressionante de um caminho tortuoso pelo submundo do álcool e das drogas que levou ao limite da existência um jovem rapaz de vinte e três anos. Preso ao álcool desde os treze anos e à cocaína a partir dos vinte, James não cedeu à tentação do prazer imediato iniciando numa jornada solitária pelos trilhos da dependência. Uma opção que quase lhe custaria a vida, não fossem os pais a promoverem a sua reabilitação numa clínica de recuperação. E é precisamente o relato desse período que o livro trata, podendo o leitor assistir a seis semanas de alucinações, dores lancinantes e por fim às doze fases para atingir a cura. Começando por corrigir o nariz e implantar dentes a sangue frio, James terá de confrontar-se com os seus problemas interiores. Uma obra dura mas extremamente comovente que nos revela o lado obscuro da vida e nos concede esperança na possibilidade de recuperação."
Ao autor, a minha admiração, pela vitória sobre a dependência na luta diária que contra ela vai travando.
Pontuação para o livro: 5 valores... é uma viagem realmente impressionante ao mundo das dependências, principalmente porque contada na primeira pessoa
Até sempre,
C&C