Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

quarta-feira, 19 de setembro de 2007

Livros - "Uma mãe irresistível"

Autora: Polly Williams

Na capa do livro, o seguinte texto:
"Um livro inteligente e honesto que revela os dilemas de uma mulher e as verdades escondidas da maternidade."

O livro retrata a vida de Amy Crane, uma recém-mamã que entrou em crise pós-parto, depois de ver que por entre fraldas, amamentação e noites mal dormidas se esqueceu completamente de que continuava a ser uma pessoa, com desejos, necessidades, ambições, vaidade e necessidade de afecto. Uma mulher e não apenas uma mãe.

Conta com algum humor, entendido especialmente por quem já passou pela maternidade, o processo que atravessa para se reencontrar com ela própria, no meio de encontros e desencontros, felizmente com um final feliz.

Comprei este livro porque também sei o que é esquecer-me de mim própria, porque também já senti na pele a transformação avassaladora que ter um filho acarreta na vida de alguém. Consegui felizmente passar por esta crise sem estragos de maior, e hoje já me reencontrei. Acho que consegui encontrar o equilibrio no melhor de dois mundos: ser mulher, e ser mãe. Ambas as coisas maravilhosas se vividas em plenitude.

Há dias alguém sugeriu que uma das causas para o meu divórcio teria sido o facto de ter tido a R. Para mim soa a completo disparate... É verdade que muito muda quando se tem um filho, e talvez a principal mudança seja que com o cansaço acumulado deixa de haver paciência para disfarçar os defeitos de uma relação, tudo aquilo que não funciona fica a nú... Mas se o amor existe e é verdadeiro, e as pessoas são cumplices e compativeis, um filho, mesmo que seja uma criança complicada, só pode é unir um casal.

Pontuação para o livro: 3 valores (É uma leitura leve e ligeira, um pouco british demais para o meu gosto. Diverte e faz pensar)

Até sempre,

C&C

Nenhum comentário: