Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

sábado, 20 de outubro de 2007

Livros - "As pequenas memórias"

José Saramago

Na contra-capa deste livro, a seguinte frase do Livro dos Conselhos: "Deixa-te levar pela criança que foste".
Mais do que uma auto-biografia, este livro é realmente o que o titulo indica, um conjunto de recordações da infância e adolescência de Saramago, pontuado por pequenas curiosidades, como por exemplo o facto de o escritor ter nascido a 16 de Novembro de 1922 e não, como consta na Conservatória do Registo Civil, a 18 do mesmo mês... Coisas do Portugal do inicio de século, assim como o facto de lhe terem colocado o nome Saramago por ser a alcunha pela qual era conhecida a familia na terra, sendo que depois o pai se viu forçado a ir acrescentar esse nome ao seu, para não ficar com apelido diferente do filho.
Curiosa também a primeira incursão pela escrita do prémio Nobel, um poema que fez para uma namorada, que foi pintado num prato que lhe ofereceu: ""Cautela, que ninguém ouça, O segrado que te digo, Dou-te um coração de louça, porque o meu anda contigo."
Curioso como um homem tão culto e tão dotado para a escrita sai de um percurso de infância tão simples, tão perfeitamente normal no nosso Portugal dessa altura.
Um livro bem escrito, de um escritor que muito admiro, sobretudo pela capacidade de imaginação e descrição que tem, partindo de um cenário altamente improvável ou mesmpo impossível. Por exemplo, a separação repentina da Peninsula Ibérica do resto da Europa (em "Jangada de Pedra"), uma cegueira que afecta toda a população ("Ensaio sobre a Cegueira"), alguém que descobre alguém exactamente igual a si enquanto está tranquilamente a ver televisão ("O Homem Duplicado"), uma eleição em que todos ou quase todos os votantes optam pelo voto em branco ("Ensaio sobre a lucidez"), entre outros... Li quase tudo ("Memorial do Convento", "Evangelho segundo Jesus Cristo", "A caverna", "Todos os nomes") e dificilmente resistirei a comprar o próximo que sair.

Pontuação: 4 valores (bom, mas não é o melhor de Saramago)

Nenhum comentário: