Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

A falta que (às vezes) faz um homem

Uma das informações mais relevantes (mas também perturbadora) que obtive na reunião de condomínio foi que existia uma colónia de abelhas "grandes como cavalos" instalada no telhado do prédio, e que as mesmas conseguiam entrar para os apartamentos pelas frinchas dos recuperadores de calor.
Achei um pouco disparatado, mas passados dois ou três dias lá me entrou a primeira. Felizmente estava na sala e ela vinha completamente atordoada, pelo que consegui resolver o assunto de imediato... Efectivamente nunca tinha visto uma abelha tão grande.
E hoje estava a vestir a R depois do banho e começo a ouvir um barulho estranho na entrada de casa. Lá andava mais uma a pulular no tecto. "Estou tramada", pensei, ainda por cima a R anda super cismada com insectos, em especial abelhas, "se ela a vê nunca mais acredita que o insecticida funciona e vai ter medo de adormecer"... Resolvi fechar as portas e esperar que o insecticida, que já estava ligado à corrente, funcionasse, e fui deitar a R.
Quando regresso constado que pelos vistos o insecticida não funciona com abelhas "grandes como cavalos" e preparo-me para a batalha. É nessa altura que penso, "que jeito fazia aqui um homem agora"... Mais uns segundos e tenho uma ideia brilhante... "se eu apagar as luzes todas, abrir a porta do apartamento e acender a luz de lá de fora, ela vai para lá". E assim foi, em cerca de 5 segundos o problema ficou resolvido.
E agora espero que o vizinho da frente (que é o administrador de condominio) se cruze com ela, resolva o assunto, e decida acelerar a desinfestação do telhado...

Até sempre,
C&C

Um comentário:

mfc disse...

Pois.... só se lembram deles nestes momentos!!!