Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

Lilypie First Birthday tickers

terça-feira, 2 de março de 2010

Teoria do elástico

Há uns anos atrás, li um livro de John Gray, chamado "Os homens são de Marte e as mulheres de Vénus". Adorei o livro, infelizmente emprestei-o a uma amiga que na altura andava desencontrada no seu casamento (acho q ainda anda, eu entretanto é que mudei de estado civil), porque achei que a poderia ajudar, e infelizmente por lá ficou - o livro.
No livro, entre outras coisas, o autor falava sobre aquilo a que chama a Teoria do elástico. Basicamente tem a ver com o facto de alguns homens se sentirem desconfortáveis com um contexto de muita intimidade, e terem necessidade de se distanciar (de se retirarem para a sua caverna, como ele diz) quando sentem que estão a entrar nessa zona de desconforto. Por seu turno, as mulheres muitas vezes não entendem esse distanciamento, sentem-se inseguras e acabam por pressionar. Mas fazer com que o homem se sinta errado por ir para a sua caverna apenas acaba por reforçar a sua necessidade de se recolher novamente.
Os homens instintivamente precisam de se afastar para depois se voltarem a aproximar, não é uma questão de falta de amor, é simplesmente uma necessidade, de autonomia e independência.
Quando um homem volta, ele retoma o relacionamento no mesmo grau de intimidade em que estava antes de se esticar para longe. Se compreendido, esse ciclo masculino enriquece o relacionamento, mas como a maior parte das vezes é mal compreendido, cria problemas desnecessários.

Na experiência que vou tendo, tendo a achar que é mesmo assim que funciona. Tenho tentado respeitar o afastamento masculino, apesar de o mais óbvio ser confundi-lo com distanciamento. Eu sou mesmo de Vénus, e eles de Marte... E era tão mais fácil de vivessemos todos no mesmo planeta...
Gostava de ter as vossas opiniões: Homens (os poucos que ainda devem permanecer por aqui depois dos últimos ataques), isto aplica-se? Mulheres, conseguem deixar os vossos homens esticarem os elásticos de forma tranquila?


Até sempre,
Cookie

7 comentários:

Maçã e Canela disse...

ora ai está algo que já passei! E sou de vénus a 100% que n soube bem lidar com isso

ps: acho que vou comprar o livro

Hummm disse...

Eu Homem preciso de SENTIR amor...e paixão. Amor é sentir-se amado, daí o sentir-se ou não preenchido pelo outro, e paixão é mistura entre o carnal e platónico. Asfixia é algo que se provoca e se sente, quando em vez de amor, se tem um sentimento de posse e/ou comodismo, em relação ao amor e a paixão, que nos leva a caverna ou apenas e só, a não nos sentirmos preenchidos.
Hummm escrevi sem pensar...portanto foi sentido e não corrigido, nem com disposição a ser discutido :P

*A* disse...

LOLOL

Este post fez-me lembrar a peça de teatro mais cómica que já vi - "Caveman"!
Quando e se esta peça for para terras nortenhas aconselho vivamente a ires... =)

*

Anônimo disse...

Querida cokkie,
Os homens ainda não entenderam que no fundo o que as mulheres querem é atenção SEMPRE, e não apenas e só de vez em quando, pois por norma são entendidos que quando se aproximam é porque querem alguma coisa........é de facto esse o mistério que as mulheres têm e que apesar de simples, e por vezes confundido com "asfixiar", os homens não o entendem. A lógica masculina é simples, vêem-se como seres individuais que têm os seus habitos, os seus hobbies, e o amor tb faz parte de um conjunto de outras coisas....as mulheres entregam-se a menos causas mas com mais intensidade e vêem o amor de uma forma mais "romantica", e têm necessidade de sentir em pequenos gestos diários masculinos a paixão...o sentir da parte dos homens o amor no dia a dia! No fundo as mulheres querem continuar a ser conquistadas todos os dias, como as "princesas", assim como os homens que esperam das mulheres a mesma beleza, a mesma atracção e sedução...no fundo querem exercer a sua "posse" na mulher bela e irresistível!O Amor e para sempre, a Paixão é platónica e desgastante de tão intensa que é.......como tal é impensável persistir durante muitos anos; dizem os entendidos que os prazos das paixões vai até aos 2 anos..........depois a paixão acalma e dá lugar ao Amor, um sentimento calmo, tranquilo, de companheirismo,capaz de durar uma vida inteira e onde o carnal é muito importante na mesma, mesmo não tendo a intensidade platónica da paixão.
Isto hoje ninguém me para.......escrevi fluentemente pelo que ás vezes pode parecer contraditório :)
Por mim "falava" sobre isso horas a fio, é um tema que gosto muito de conversar....
Nana bem querida Cokkie,
Beijinho Grande,
S&C with extra chocolat

Anônimo disse...

Conheço a versão politica que diz que «os americanos são de Marte e os Europeus são de Vénus», de um livro de kagan.
Na versão géneros de que falas, penso que é um pouco mais cinzento do que isso. Eu por vezes sou de Venus, outras sou de Marte. Não encontro diferenças assim tão grandes entre generos, mas sim entre pessoas. E claro, todos temos momentos de fugas e momentos de aproximação, o problema é que estes momentos tendem a ser ciclicos, mas nem sempre são em simultaneo. Isso gera choque.
Eu diria que os homens e as mulheres são da Terra, logo são imperfeitos e contraditórios e é essa humanidade que nos dá o encanto.

S.

For you disse...

Eu cá creio q n sou 100% vénus.!

Anônimo disse...

Quanto tempo pode durar o ``afastamento``?